Projeto TJ
Formação
23.Out - SEM MIM NADA PODEIS FAZER
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
SEM MIM NADA PODEIS FAZER


O mundo foi criado por Deus e para Deus e o homem tenta caminhar por suas próprias pernas, negando seu criador. Colocando-se no lugar Dele, revive na atualidade o caos, produto do pecado original...


Deus na sua infinita sabedoria nos predestinou para participarmos deste momento e sermos agentes da transformação da História. Você, eu e cada um de nós fomos individualmente escolhidos para vivermos neste tempo, pois onde abunda o pecado, super abunda a graça. E para isto temos que usar as armas poderosas que Jesus nos deixou. Uma delas é a oração, poderosa em Deus para arrasar “fortificações” e aniquilar o mal, conforme 2Cor 10,4-5. A oração é para todos os que não se conformam com o que está errado, mas têm esperança num mundo novo e transformado pela força do amor. A oração é sempre fecunda mesmo que nosso esforço pareça estéril. Deve ser perseverante, humilde e confiante principalmente diante das dificuldades. Lembremo-nos da oração perseverante da pobre viúva perante o juiz iníquo; da oração da cananéia que por sua humildade alcançou a graça; do pedido confiante do centurião romano que demonstrou enorme fé no poder da palavra de Jesus de quem alcançou elogio e milagre.


“Tudo o que pedirdes com fé na oração vós o alcançareis”(Mt 21,22)


“Por isso vos digo: tudo o que pedirdes na oração crede que o tendes recebido, e ser-vos-á dado”(Mc 11,24).


Para você ser um cristão “de pé”, forte, equilibrado, senhor de você mesmo e capaz de amar, precisa aprender a rezar.  Rezar é uma ordem, um mandamento do Senhor. Sem oração ninguém se sustenta espiritualmente ou consegue cumprir a vontade de Deus. A razão é clara: “Sem mim nada podeis fazer” (Jo15,4). Esse “nada” indica que por nós mesmos não conseguimos fazer o bem e nem evitar o mal.


São Tomás de Aquino diz que todas as graças que o Senhor determinou conceder-nos, desde toda a eternidade, somente serão concedidas por meio da oração. E sobre isso São Paulo insiste: Orai sem cessar! Vivei sempre contentes e em todas as circunstâncias, dai graças. (cf. 1Tes 5,16-18).


O poder da súplica de quem reza não tem limites, pois está vinculado à misericórdia de Deus que diz “Tudo o que pedirdes com fé na oração, vós o alcançareis”. (Mt 21,22) e “Tudo o que pedirdes ao Pai em Meu nome, vo-lo farei” ( Jo 14,13).


A eficácia da oração está na união da criatura com o Criador – nessa aliança formada pela oração entre Deus e o homem, este só concorre com sua fraqueza a qual confessa implorando o auxílio divino; Deus contribui com sua bondade, poder e fidelidade. Sabe por quê? Não para que Deus conheça as nossas necessidades, mas para que fiquemos conhecendo a necessidade que temos de recorrer a Deus, reconhecendo-O como único autor de todos os bens.


S. João Crisóstomo, doutor da Igreja, diz: A oração supera a dignidade dos Anjos, pois a dignidade angélica é inferior à dignidade do encontro do homem com Deus. Os anjos nos ensinam a nos aproximarmos de Deus com temor e alegria, valorizando a honra incomparável que nos foi concedida de termos acesso para conversarmos com Deus, em oração!


Deus conta com você para ser luz no meio das trevas e testemunha de que Ele está vivo e ressuscitado no meio de nós! Não temas!


S. João Paulo II foi testemunha e proclamou: “A oração pode mudar a história”!


Que Maria, Mãe e intercessora nossa, nos ensine a permanecermos em silêncio e oração, confiantes na promessa do Senhor de que o mal não prevalecerá.


 


 



 


Indique a um amigo
 
 

Contato

(11) 98149-2050    projetotj@projetotj.net